Otávio Rocha Vila Colonial: roteiro de um final de semana na Serra Gaúcha



Andreia Debon - @andreiadebon


Em 2020, a pandemia de Covid-19 fez a população mundial refazer planos e mudar completamente a organização de rotina para permanecer o maior tempo possível dentro de casa. Agora, em 2021, com o início das vacinações, a procura por viagens promete alavancar o turismo e viagens pelo Brasil e longe de aglomerações seguem como principais apostas do setor.

Ademais, o turista também está à procura de maior segurança. Assim, os destinos com atividades ao ar livre e em contato com a natureza tem sido a preferência de muitos.

As belezas culturais e a riqueza da Serra Gaúcha estão entre as opções. Uma das cidades dessa região que vem atraindo os olhares dos turistas é Flores da Cunha, distante 150 quilômetros de Porto Alegre. Na cidade há diversas opções de roteiros, desde vinícolas no Centro da cidade até propriedades rurais no interior.

Um dos roteiros chama-se Otávio Rocha Vila Colonial. Está localizado em Otávio Rocha, interior de Flores da Cunha. São 11 empreendimentos, mais os atrativos na praça e no centro da pequena vila de 2,5 mil habitantes (vila e comunidades do interior).

Para conhecer tudo com calma a dica é reservar um final de semana. Assim você conhece todos as propriedades e atrativos sem atropelos e pode dormir no hotel localizado no vilarejo.

Fiz o roteiro junto com minha família e abaixo apresento através de imagens, as belezas desta pequena vila. Tenha certeza: você vai comer, beber e descansar em meio a lindas paisagens!

Minha dica é começar o roteiro no sábado pela manhã. Confira a minha sugestão:



A dica é começar pela praça e igreja. A praça é linda e bem cuidada. Conta com o Monumento ao Imigrante Italiano, uma estátua de um Leão Alado, que representa Veneza, capital da região de onde vieram os imigrantes, além de parreiras com os nomes dos municípios que produzem uva na região.


Na praça há uma atração à parte: o Túnel da Uva. Localiza-se em frente a Igreja Matriz São Marcos, na rua Uva Itália. É coberto por aproximadamente 100 mudas de videiras, possui 80 metros de comprimento 5,6 metros de altura. Na época de vindima está repleto de uvas!


Também no centrinho há o Museu padre Alberto Lamonatto. O local abriga uma grande coleção de licores e vinhos, o único do país no gênero. Além disso, seu acervo tem ainda objetos históricos da imigração italiana. São mais de mil garrafas em diversos formatos e sabores.